terça-feira, 2 de outubro de 2007

[Prison Break] 3x03 "Call Waiting"

Que a série não anda nada bem nesse início de terceira temporada é praticamente um consenso, e não foi agora que a temporada finalmente deslanchou. Call Waiting é o pior dos episódios exibidos até agora na terceira temporada: arrastado, sem grandes reviravoltas e com um ar de "já vi isso antes" por todo ele.

Em SONA, nada de importante acontece. O episódio é quase todo centrado em uma tentativa de localização de LJ e Sara. Esse foi a problema. Tanto em SONA como fora, tudo de relevante que aconteceu girou em torno disso. Parece que tudo não passou de uma desculpa para arrastar a estadia de Scofield na prisão, garantindo assim mais assunto para essa temporada.


Para os mais apressados, as respostas não demoraram a chegar: já sabemos quem quer tirar Whistler da prisão (a companhia) e o porque, como ele foi parar lá e o significado do livro. Um pouco decepcionante o envolvimento da companhia. Soou como uma associação forçada para trazê-la de volta a série nessa temporada. Resta esperar para que depois de revelados maiores detalhes, tudo isso faça sentido.

Rumores recentes dizem que Sarah Wayne Callies, que interpreta Sara Tancredi, está fora da série. Com isso em mente, fica aparente que boa parte desse episódio foi criado como uma explicação para a saída da personagem da série. Uma tentativa de resgate que falhou, uma caixa com um misterioso conteúdo... Aposto que esse é o fim da doutora. Esperemos para ver qual será a reação de Michael a uma eventual morte dela.


Mahone, Sucre e Bellick não tiveram nenhum papel importante nessa semana. Bellick continua "mendigando" em um estado deplorável, nada muito diferente do que ele fez nos dois episódios anteriores, Sucre só apareceu para mostrar que ainda está vivo e no Panamá e, por fim, Mahone foi quem mais deu as caras dos três. Ele recebeu a visita de seu advogado, que o informou sobre a data de seu julgamento: 2008. O advogado ainda o dá más notícias: nem um testemunho de Scofield afirmando que armará para que ele fosse preso o salvaria. Um preso assumindo a culpa por outro é comum no país. Sabendo disso, podemos esperar Mahone no grupo de futuros fugitivos de SONA.

T-Bag, por outro lado, foi peça chave em "Call Waiting". Chantageado por Michael, ele não vê outra opção que não seja ajudá-lo a conseguir o telefone de Lechero. Além de ajudar Scofield, T-Bag põe em prática um plano que garantirá a sua sobrevivência em SONA: garantir a confiança de Lechero, ao mesmo tempo que o manipula e o volta contra seus homens.

Na próxima semana: Lincoln recebe um aviso da companhia depois da fracassda tentativa de resgate de Sara e LJ, Michael formula um plano de fuga e mahone é atormentado por uma face do passado.

O que há na caixa?


Allan

2 comentários:

Comentarista Anita disse...

a dra sara nao pode morrer. naaaaao. proibo.

Comentarista Fuzii disse...

A parte em Sona eu achei até aceitável... pelo menos as conversas entre Michael e Mahone. Muito embora, elas nunca saiam do "vamos fugir" e do "cada um por si".
Agora, Sara? Uh-oh.
Não entendo como ela conseguiu apontar exatamente para uma palavra no jornal, a não ser que tenham dado a capa para ela ler (o que seria brilhante, não?). E a pista de direção usando os ponteiros do relógio é a mais clichê desse e do século passado.
Com certeza, a voz não era da Sarah Wayne (já que não aparece nem nos créditos) e isso além de me distrair na cena do telefonema, ainda prova que ela não volta mais à série. Afinal, se nem a voz ela cedeu (o que poderia ter sido feito até por telefone, antes de ela entrar em trabalho de parto) aparecer é que ela não vai.
Cruel também a cena da fuga do cativeiro. O que foi aquilo? Parecia um daqueles filmes de faculdade que pra não mostrar um ator que já foi usado, ficam escondendo seu rosto e usando cortes rápidos. Péssimo.
Então, para o bem de Prison Break, já que levantaram uma homenagem a Se7en com o conteúdo da caixa, que coloquem logo a cabeça da Dra. Sara ali dentro, nem que seja com uma franja na frente...

Bom, e só espero que dentro não tenha o pênis do Justin Timberlake...