segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

[Dollhouse] 2x05 e 2x06


por Anita Boeira

Com Dollhouse definitivamente cancelada, a Fox começa a passar os episódios da série em parzinhos.... Para acelerar a chegada ao final de temporada (Epitath Two).

Maldade da Fox. Dollhouse estava ficando bacana, a segunda temporada quentíssima.... Mas (na Fox) tudo que é bom dura pouco.

Semana passada foram ao ar os episódios 2x05 The Public Eye, e 2x06 The Left Hand.

Esses dois episódios contam a história do senador Daniel Perrin com mais detalhes, já que ele está decidido a acabar com a Dollhouse. E agora ele conta com a ajuda de Mellie (ex-November), que vai testemunhar contra a Dollhouse.

Para cuidar do assunto, mandam Paul e Echo atrás de Daniel e November. A November está com a mulher do Perrin, que eles acham que é uma doll, então o Topher inventa um controle remoto para desativar dolls, assim o Paul pode desligar a mulher do Perrin antes que ela ataque. Enquanto isso, Echo é uma garota de programa que droga o Perrin e filma os dois fazendo sexo (presumidamente, já que a cena começa com o senador acordando ao lado da Echo com uma filmadora na mão). Ele insiste que ela é uma doll e que precisa testemunhar também, então ele a arrasta para onde a mulher dele e November estão escondidas.

O Paul chega por lá um pouco antes deles, e qual a supresa dele ao usar o controle remoto e a mulher do Perrin não cair no chão dura e desmemoriada?! Quem na real sofre uma pane é o próprio senador! Oooooooooohhhhhhh. Pois é, essa eu também não esperava.

Mas foi o Paul que se deu mal; os seguranças da moça correram e o prenderam.

E num vai-e-vem chato de brigas entre a Echo, o senador e a mulher dele, os dois dolls acabam sendo desligados e mandados para a Dollhouse de Washington. Então Dewitt e Topher têm que fazer as malas e ir atrás da Echo... Mas claro que antes de viajar, Topher deixa uma "cópia" sua na Dollhouse de Los Angeles: Victor.

Na Dollhouse de Washington as coisas são diferentes... para começar, a "Topher" deles (Summer Glau) é bem desajustada e séria... Mas bonitinha. O Topher fica caidinho por ela mas, mesmo assim, sabota a moça criando uma conexão entre as duas Dollhouses para que o Victor/Topher possa roubar o mapeamento cerebral do senador.


Mas a Summer Glau (esqueci o nome do personagem dela na Dollhouse!) tem outros planos, e libera a Echo e o senador pelo mundo... Eles arrancam o GPS do pescoço e vão atrás de liberdade! Em termos. A mulher do senador e os seguranças os encontram. Echo foge, mas o senador vai para o senado e desmente tudo sobre a Dollhouse, em uma das cenas mais fracas da história da série (e levando em consideração a primeira temporada, isso diz muito sobre a cena...). Mellie/November fica desapontadíssima.

Enquanto isso Paul desapareceu (ele fugiu dos seguranças e ainda teve tempo de conversar com a Mellie, que o fez mudar de idéia sobre sua missão no mundo antes de desaparecer, é claro) . Echo está a solta em Washington, semi-desmemoriada.

E o countdown para o final da temporada já começou...

Bom momento:
- Victor como Topher. Incrível o que esse ator consegue fazer. Dollhouse é uma boa série para atores mostrarem sua versitilidade.. Alguns aproveitam (como o Victor) e outros continuam medíocres, não importa quantas personalidades diferentes sejam colocadas neles (como a Echo...)

Pior momento:
- A personagem de Summer e Echo têm um passado.... Mas qual o passado ainda não sabemos... E esse passado tem é cara de ser tão chato quanto o personagem de Glau....


site: anitaboeira.net
twitter: twitter.com/anitaefrango

Fotos: Eliza Dushku Central

2 comentários:

Rafael S disse...

Dollhouse S02E05 - The Public Eye: talvez o episódio mais importante para a temporada até agora no quesito trama. Embora já tivesse aparecido antes, aqui é onde o Alexis Denisof mergulha de vez na história. Infelizmente, afirmaram tanto que a Cindy era um ativa, que já supeitei justamente o contrário, e que o senador seria o Ativo. Dito e feito.

Até aí, nada grandioso para um episódio, mas eis que tivemos os minutos finais, na Dollhouse Washington. Totalmente mindfuck, em uma participação misteriosíssima da neo-musa do Joss Whedon, a Summer Glau. Bennett é puro mistério, e sua existência já lançou trocentas dúvidas: qual o motivo dos seus glitches? De onde ela conhecia Caroline (já que a chamou pelo nome)? Que experiência estava fazendo com ela?

Tenso.

Rafael S disse...

Dollhouse S02E06 - The Left Hand: já de começo temos uma visão mais aprofundada da Dollhouse Washigton, e ver que as coisas não são tão parecidas (operacional e visualmente) com a filial Los Angeles. E dessa diferença nasceu o choque Topher/Bennett, uma mistura de flerte e traição sensacional. Formam um interessante casal, com todas suas megalomanias e egocentrismos, mas não deixam de ter suas próprias agendas.

Assim, acabamos conhecendo mais Bennett e seu passado (que se relaciona em um acidente envolvendo Caroline), que resultou na perda dos movimentos de seu braço. Assim, ela libera Echo e o senador ao mundo, apenas para ativá-lo para matá-la - curioso como Bennett cria sua pŕopria vingança com base no plano maior que envolve o senador - ela definitivamente parece ter grande autonomia da Dollhouse Washington.

Mas também não gostei da cena do senador depondo à comissão e livrando a Rossum das acusações, total anticlimática. Mas todo esse arco desses dois últimos episódios mudou muita coisa na história, além de Mellie ser descreditada em nível nacional, Echo está perdida (e sem GPS) e o poder do senador só fez crescer.

Uma bela chacoalha na série, vamos ver aonde vai.

E como última nota, que sensacional o Victor impresso como Topher. Grande trabalho do ator, simplesmente PERFEITO.