quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

[EXTRA] Greve dos roteiristas deve acabar bem em breve

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Olá amigos, quanto tempo que não apareço, hein. Mas estou sempre por aqui, vocês sabem disso. Então, estava eu querendo saber de novas sobre a greve dos roteiristas e achei este artigo, hoje já com onze dias de idade :( Mas leiam mesmo assim :)

O Wirters Guild of America (WGA), o sindicato dos roteiristas norte-americanos, e a Alliance of Motion Picture and Television Producers (AMPTP), a associação dos produtores de cinema e televisão, retomarão as negociações para o fim da greve nesta segunda-feira (21/1). As conversas entre as duas organizações estavam suspensas desde 7 de dezembro de 2007.

A retomada das negociações acontece após um acordo entre o Directors Guild of America (DGA), o sindicato dos diretores norte americanos, com a AMPTP, ocorrida na última sexta-feira (18/1).

O acordo terá duração de três anos e aumenta os ganhos da categoria, além de dar para a classe uma parcela maior dos lucros por conteúdo baixado pela Internet, bem como percentuais sobre clipes em formato streaming que sejam mantidos por publicidade. Justamente uma das questões que deu início à greve dos roteiristas.

“Os termos do acordo do DGA com a AMPTP serão analisados e avaliados pelo comitê de negociações e pelo conselho de diretores do Writers Guild of America. Por mais de um mês pedimos o retorno das negociações com os estúdios, mas eles preferiram conversar com os diretores. Agora que as negociações estão encerradas, a AMPTP deve retomar o contato com o WGA. Esperamos que o acordo com o DGA seja um passo à frente em nossa tentativa de negociar os interesses de todos os roteiristas”, informou um comunicado do WGA.

Segundo o jornal Variety, um grupo de roteiristas menos radicais estão pressionando o WGA a aceitar as mesmas condições oferecidas ao DGA.

Já um outro grupo de profissionais da área afirmam que este é um monento onde deve se manter a calma e analisar os termos do acordo com o DGA. “A pior coisa que pode acontecer é reagir de forma intempestiva, seja dizendo ‘não importa o acordo do DGA, nós temos nossos termos e seremos irredutíveis’ ou afirmando ‘não é exatamente o que queremos, mas é o suficiente para não rejeitarmos’. A solução é um meio termo entre estas duas posições”, postou um grupo de roteiristas que mantém o blog United Hollywood.

Além de servir de modelo para as negociações com o WGA, o acordo com o DGA pode servir também o Screen Actors Guild (SAG), que pretende iniciar negociações no meio desse ano e promete uma greve se seus termos não forem aceitos pela AMPTP.

Leonardo

Fonte: Poltrona.tv

3 comentários:

Ale Rocha disse...

Obrigado pela referência!

Samantha disse...

Essa greve precisa acabar o logo, não aguento mais reprises!!!

http://tudosobreserie.blogspot.com/

silvia disse...

Conheci o site hoje... está favoritado com louvor! =D