quarta-feira, 29 de agosto de 2007

[EXTRA] Novo Comentarista


Olá, Assíduos e Esporádicos frequentadores do Comentários em Série.

Serei o mais novo companheiro de comentários do blog. E inaugurarei uma nova seção: [HQ] ou seja Histórias em Quadrinhos. Desde bem jovem me interessei pela Nona Arte, como é chamada em seu “círulo social”, e desta forma, junto ao hábito da leitura de livros(Umberto Eco e Neil Gaiman são meus preferidos) , o acompanhamento de séries(já fui vidrado em Buffy, Angel, Friends, Arquivo X e Millennium... hoje não perco um episódio de LOST e Heroes), Desenhos animados(passando desde Simpsons e Family Guy até os arcaicos Galaxy Rangers e Thundercats), para não citar uma lista enorme de filmes(mas cito assim mesmo O falbuloso destino de Amelie Poulain)...


Mas vamos ao que interessa, o que às vezes é desconhecido da maioria é que os quadrinhos não se resumem apenas às tiras de jornais(que também são ótimas... quem conhece Calvin & Haroldo de Bill Waterson, sabe disso), nem aos super-heróis de colantes(que também tem inúmeras qualidades). Existe um outro lado, que, como diriam alguns, é sombrio e oculto! Os quadrinhos adultos, ou de temáticas adultas, têm uma visão mais crua e particular, assim como nossas série, filmes e livros favoritos, mas assim como essas outras mídias, os quadrinhos também têm suas idiossincrasias. Ele é único como forma de expressão para quem sabe utilizar de seus recursos tão próprios. Nos quadrinhos não existem os limites orçamentais de um filme, três planetas podem colidir sem um centavo de efeitos especiais... nos quadrinhos podemos visualizar cenas paralelas e interligadas como nunca faremos em um livro... nos quadrinhos os personagens não envelhessem ou pedem salários maiores para a próxima temporada... Portanto, é um mundo único e rico de possibilidades.

E é com esse mundo que eu espero poder passar um pouco do que eu penso através de revistas consagradas, (ou não) que apresentarei aqui. Comecando pelo bruxo, detetive, ocultista e “porra-lôca” John Constantine, o Hellblazer. Farei o passo a passo deste personagem criado como coadjuvante do melancólico Monstro do Pântano, que superou sua fonte em popularidade. Mas não será só ele, hora e meia poderei aparecer com algumas pérolas perdidas da Nona Arte por aqui.



Pra finalizar gostaria de agradecer ao Ribas a oportunidade e a confiança para tal tarefa. Mantenho junto com amigos o Blog de Quadrinhos adultos, o Vertigem e lá faço constantemente resenhas e comentários sobre revistas que traduzimos. E o Vertigem abriu esta porta para mim que só tenho a agradecer e aproveitar.

Abraços, cidadãos!

Von DEWS!


Um comentário:

Comentarista Dani Mística disse...

Oi! Legal vc fazer parte do nosso time e, se Deus quiser, vamos fazer uma grande partida, seguir as regras do professor e levar a taça :P

->Eu lia muito Spawn, influência de ex namorado.