domingo, 26 de outubro de 2008

[Dexter] 3.01 Our Father

Fotos: Reprodução Showtime

Estranho começar ver Dexter sem Doakes. O Sargento falastrão e musculoso era ponto alto da série. Apesar do desfecho dramático e sensacional, acho que foi uma grande perda. E o personagem novo, que nem me lembro do nome, não me convenceu ainda. Outro interesse amoroso para Debra? Give me a break.

Já começamos com a questão filosófica desta season: O legado do Código Harry e o "ideal" de perfeição. Acho incrível logo na abertura ver Dexter divagar sobre o que é a vida: rotina e controle.

A rotina, por mais que nos irrite e estresse, ela realmente nos dá conforto. Para alguém tão metódico como Dex, nada como a rotina de sempre. E isso inclui a fogosa Rita, que desde os minutos iniciais já sinalizava para nós, no seu "cio", que estava grávida. Opss, quebra de rotina.


Não é incrível a construção/descontrução deste episódio? Os tradicionais Donuts e as personalidades previsíveis de quem os consomem. Rita e as crianças, o trabalho, Debra...e a
segurança e rotina de Dex sendo quebrada fio a fio. Deb cortou o cabelo, Angel é sargento. Dex matando sem nada saber sobre o morto.

Rotina quebrada, código quebrado, vida nova? Um novo "Dexterzinho" estar por vir?

Veremos o que esta season nos aguarda. Apesar de, pela primeira vez em dois anos, não estar clara em todos os seus aspectos neste primeiro episódio. Para temer? Ou uma simples quebra de rotina?

Cenas legais:

-Dex e o dentista. Pq eles sempre insistem em conversar com a gente, mesmos abendo que estaremos de boca aberta?

-Rosquinhas e a galera, não existe rotina mais tranquila em Dexter.

-Rita o o "cio". UIA!

-A garotinha ruiva na escola: - You got a Gun?


3.2 Finding Freebo





P.S->
Dexter foi renovada até a 5a temporada! \0/ Isto significa que os livros realmente não serão mais usados.


Danielle M

Um comentário:

Gabriel Lima disse...

Senti falta dos comentários...

=***