domingo, 11 de outubro de 2009

[90210] S02E04 - The Porn King

Por Rafael S


Embora tenha um título provocativo, a trama do capítulo que remete a ele é bem decepcionante. Mas ainda assim, o episódio se garante ao focar o drama final da segunda temporada, e responder uma pergunta que assolava a todos: afinal, quem era o homem que Annie atropelou?

Logo de cara, temos a resposta: Joe Herman. Um homem, que embora estivesse vivendo como mendigo, na sua adolescência também estudou no colégio West Bev. E o fato mais surreal da história: em seu testamento, ele deixou 100 mil dólares para a escola! O que nos faz levantar muitas questões: se ele tinha tanto dinheiro, porque vivia como mendigo? E porque deixar todo esse dinheiro para o colégio? Foi de algum modo um local muito especial para ele? Muitos mistérios, e com sua morte, o único que aparenta poder elucidar um pouco do mistério é Jasper, seu sobrinho. O rapaz de um momento para o outro vira destaque no colégio, quando o jornalzinho Blaze decide fazer uma matéria sobre a tal doação.

Uma teia intricada de fatos que envolve vários personagens. Teddy, sempre com seu comportamento levemente arrogante, admitiu que está participando da investigação policial sobre a morte de Joe. Silver e Gia se incumbiram da missão de levantar os fatos, e a relação do homem e o colégio. E os destinos de Jasper e Annie acabaram se cruzando. Carregando bastante culpa, ela prestou condolências ao rapaz para aliviar um pouco a pressão que sentia. E eis que o rapaz, observando suas ações estranhas, resolveu chamá-la para sair, e por uma noite, tornaram-se confidentes. Com certeza Jasper está suspeitando de alguma coisa, e ele pode estar apenas preparando uma armadilha para Annie admitir sua culpa. Mas é bom lembrar que Annie não é mais a garota bobinha da primeira temporada - logo em sua primeira cena nesse episódio, andando no corredor do colégio e rechaçando os comentários engraçadinhos dos colegas sobre sua foto íntima, ela dá a amostra que está disposta a jogar como for preciso. E sabe-se lá o que pode sair desse envolvimento entre ela e Jasper...



Enquanto isso, outra guerrinha começa a se acirrar: Liam enfim decidiu reagir, e procurar meios para ferrar Jen. Só que a loura, como boa cobra criada que é, deu um jeito rapidinho de usar a chantagem de Liam para fortalecer seus lados com Naomi (cada vez mais iludida) e ainda arranjar um tempinho para fazer Ryan comer mais ainda em sua mão. Só que no fim do episódio, o rapaz mostrou que não está pra brincadeira e que essa guerra pessoal vai longe.

E foi um capítulo tenso para o namoro de Adrianna e Navid. Vamos aos fatos: Navid é um bom rapaz, seu apoio foi imprescindível para tirar Ade da fase negra que vivia na primeira temporada. Mas agora que ela está bem, ele não está sabendo administrar seu papel de namorado. Demonstrações bobas de ciúme, e uma tentativa de tentar podar os sonhos da garota (no caso, seus testes para atriz). Um comportamento altamente protetor, reflexo do tempo em que ele tirou Ade da lama. Mas o momento agora é outro, e a garota tem vida própria. E nessas pequenas rusgas, Teddy veio se aproveitando, desde o capítulo passado, até enfim conseguir um beijo. Por mais que tenha ficado só nisso, a armadura foi quebrada. E pra piorar a situação, Ade, com muito peso na consciência, na mesma noite resolveu enfim transar com Navid, um claro atestado de culpa. Depois de muito tempo, o sexo aconteceu, mas sob condições tão instáveis, apoiado em tantas mentiras e inseguranças, que basta um sopro do esperto tenista para esse castelo de cartas de amor vir abaixo. E sem contar que Silver flagrou o beijo proibido.



E falando nela, agora é oficial: Silver voltou! Um episódio inteiro sem choramingar por Dixon. Como se tivesse virado essa página em sua vida, foi a velha Silver, atrevida e com a língua afiada. Enquanto isso, o rapaz continua na sua teia de mentiras com Sasha. Trama que por sinal já deu o que tinha que dar. Um dos clichês mais manjados de séries e filmes, é óbvio que Sasha irá descobrir mais cedo ou mais tarde. Até lá, mais e mais mentiras foram (e pelo visto serão) empilhadas - e daí veio o "Porn King" do título, em referência ao carro do pai do Navid (que é produtor de filmes pornô), a nova mentira armada no improviso por Dixon para impressionar sua garota. Mal posso esperar para ele quebrar a cara bonito quando a verdade vier à tona.

Embora esteja se estendendo demais em algumas tramas, o foco no homem atropelado deu uma nova dimensão à série e ao drama de Annie. Confio muito nesse plot, e espero que o elenco adulto ganhe mais importância nessa temporada, afinal todos (tirando a Jen) estão apagados.

Fotos: Reprodução



Rafael S
http://twitter.com/rafaelsaraiva

Um comentário:

Karina disse...

Bom resumo do episódio!! Parabéns!!

Achei ele meio fraquinho!! Esse lance do Dixon, da DJ e o chilique dela c/ os filmes pornôs foi bem forçado!! Gostei do velho e bom triângulo amoroso da Ade/Navid/Teddy. Torcer pro feinho e estranho contra o bonitão esportista é legal!! Mas ainda odeio a Annie, fato!!